Home » » Faccionista revela histórico de assédio do MPT a Guararapes

Faccionista revela histórico de assédio do MPT a Guararapes

NF sábado, 16 de setembro de 2017 | 11:23:00



O faccionista Ricardo Medeiros revelou neste sábado (16), em entrevista ao portalnoar.com.br, que as ações do Ministério Público do Trabalho contra o Grupo Guararapes configuram “claro assédio”.


Segundo ele, desde o final da década de 1990, as facções têxteis têm se instalado na região. “Nunca se ouviu falar de qualquer ação do MPT sobre as facções. Foi só a Guararapes entrar no Pro-Sertão, e passar a comprar dessas facções, que o MPT nos descobriu e passou a fazer exigências inconsequentes”, destacou Medeiros.

Ainda segundo ele, o trabalho das facções está ameaçado pela exigência do MPT para que a Guararapes absorva os trabalhadores.

“Como nós, pequenos produtores ficamos? É tão claro o assédio que o MPT não quer punir as facções que tiveram irregularidades, mas quer punir a Guararapes”, enfatizou Medeiros.

Fonte: Portal no Ar




Curta nossa Página

SHARE

About NF