quinta-feira, 6 de setembro de 2018

Temer diz que ato contra Bolsonaro é 'intolerável'



O presidente Michel Temer definiu a agressão contra o candidato do PSL ao Palácio do Planalto, Jair Bolsonaro, como "intolerável" e pediu conscientização para a população combater a intolerância. "Isto revela algo que nós devemos nos conscientizar porque é intolerável exatamente a intolerância que tem havido na sociedade brasileira", disse.

Segundo o mandatário, "é intolerável que as pessoas falseiem dados durante campanha eleitoral. É intolerável que, nós vivemos num estado democrático de direito que não haja possibilidade de uma campanha tranquila. De uma campanha em que as pessoas vão e apresentem os seus projetos, porque ninguém vota em candidato.


Esse é o grande equívoco, votar em candidato é coisa de cultura atrasada, você tem que votar em projetos. E para votar em projetos, o candidato precisa circular pelo país", acrescenta. "Relato este fato apenas para não deixar passar em branco este episódio triste, convenhamos, lamentável para a nossa democracia, mas que ele sirva de exemplo, e se Deus quiser o candidato Bolsonaro passará bem, temos certeza que não haverá nada mais grave, esperamos que não haja nada mais grave", finalizou Temer.





Curta nossa Página


Nenhum comentário:

Postar um comentário