sexta-feira, 17 de agosto de 2018

PM afasta policiais envolvidos em ação que terminou com morte de filho de ex-prefeito do RN



Os policiais que atenderam a ocorrência que resultou na morte do adolescente Benes Leocádio Júnior foram temporariamente afastados nesta quinta-feira (16). O afastamento deve durar até que se termine a apuração do inquérito criminal e o processo administrativo que irão apurar as circunstâncias de onde partiram os tiros e as responsabilidades dos envolvidos na ação.

Os policiais que são lotados no 4º Batalhão da Polícia Militar (4ºBPM), responsável pelo patrulhamento na zona norte de Natal, passam a realizar trabalhos administrativos até a conclusão das investigações. Todos os envolvidos no caso tiveram suas armas apreendidas, sendo quatro pistolas e duas submetralhadoras dos policiais e dois revólveres dos sequestradores para realização dos exames balísticos.

O inquérito da Polícia Civil, inclusive, já identificou um dos envolvidos no crime, que morreu durante o confronto com a Polícia Militar (PM). O sequestrador foi identificado como Mateus da Silva Régis, 17 anos. Ele participou do assalto que vitimou a soldado catarinense Caroline Pletsch, em 26 de março deste ano na zona Norte de Natal.

O segundo assaltante, que também é menor de idade, foi apreendido pelo 4º BPM e levado a Central de Flagrantes da Polícia Civil.

Resposta
Após a ocorrência desta quarta-feira (15), a secretária de Segurança do Estado, Sheila Freitas, se pronunciou por meio de nota afirmando que “o crime não terá trégua”. “O crime que toma conta do país, e que aqui se instalou, não vai vencer o Estado do Rio Grande do Norte. Com toda a dor de quem é mãe, mulher e policial, quero aqui dizer que vamos lutar com todas as nossas forças, erguer nossas muralhas e aumentar ainda mais a nossa energia”, comentou.


Portal no Ar



Curta nossa Página

Nenhum comentário:

Postar um comentário