quarta-feira, 18 de julho de 2018

MP pede que Ciro seja investigado por injúria racial



O Ministério Público de São Paulo pediu ao Departamento de Polícia Judiciária da Capital (Decap) - vinculado à Polícia Civil - a instauração de inquérito para averiguar suposto crime de injúria racial, que teria sido cometido pelo presidenciável Ciro Gomes (PDT) contra o vereador Fernando Holiday (DEM), um dos coordenadores do Movimento Brasil Livre (MBL). Segundo o MP, o pedido foi formulado no dia 12. A Secretaria de Segurança Pública informou, no entanto, que a solicitação ainda não chegou ao Decap e o inquérito não foi aberto.

Em 18 de junho, Ciro chamou Holiday de "capitãozinho do mato" durante entrevista à Rádio Jovem Pan. "Esse Fernando Holiday aqui é um capitãozinho do mato. Porque a pior coisa que tem é um negro usado, pelo preconceito, para estigmatizar", afirmou Ciro. A declaração foi dada em uma pergunta sobre uma possível aliança com o DEM nas eleições.




Curta nossa Página

Nenhum comentário:

Postar um comentário