sábado, 27 de janeiro de 2018

Ministério Público abre investigação contra o governador Robison Faria



Governador terá o prazo de 10 dias para apresentar uma manifestação, por escrito, a respeito dos fatos que levaram o o MP a instaurar a investigação.


A edição deste sábado (17) do Diário Oficial do Estado traz uma portaria do Ministério Público do Rio Grande do Norte que informa a abertura de inquérito civil contra o governador do estado, Robinson Faria.

A suspeita é de que o chefe do Executivo tenha cometido o ato de improbidade administrativa, ou seja, prática de atos ilegais. Na publicação, a Procuraria argumenta a reprovação de contas de 2016 por parte do Tribunal de Contas do Estado e a utilização de recurso sem comprovação da fonte.

Os excessos em folha de pagamento e restos a pagar também foram citados na Portaria.

O governador terá o prazo de 10 dias para apresentar uma manifestação, por escrito, a respeito dos fatos que levaram o o Ministério Público a instaurar a investigação.




Curta nossa Página

Nenhum comentário:

Postar um comentário