[Notícias Recentes][6]

Brasil
Caicó
Ciência
Curioso
Entretenimento
Esporte
Mundo
Nordeste
PB
Política
RN
Saúde
Seridó
Tecnologia

A PM CURTIU: Bandido não consegue pausar vídeo, filma própria casa sem querer e é preso



A Polícia Militar conseguiu localizar e prender três criminosos após um deles fazer imagens da própria residência e veicular nas redes sociais. Os registros mostrando o local foram feitos porque o autor do vídeo não sabia pausar a gravação.


Os três homens foram presos suspeitos de fazer parte de uma facção criminosa que reivindicaria dominar a comunidade do Coloral, no bairro Jardim das Oliveiras, em Fortaleza. Com eles, a Polícia Militar apreendeu um revólver, uma pistola, munições e quase um quilo de maconha na quinta-feira (3).

A prisão se deu após um dos homens gravar um vídeo mostrando pichações das facções de que faria parte nos muros da localidade. Nas imagens, ele ainda exibe um revólver e faz ameaças a integrantes de uma facção rival: “Se pisar aqui, morre”.

Foi justamente através das imagens que a Polícia conseguiu chegar até os homens. Equipe do Comando Tático Motorizado (Cotam) foi até a rua onde as filmagens foram feitas e, em uma casa que ficou à mostra, localizou o autor do vídeo.


Sem saber como encerrar a gravação, ele permitiu, no próprio vídeo, identificar a casa onde morava. “Ei, pivete, e agora, como faz para parar o vídeo”, chega a dizer. Em seguida, o vídeo mostra cenas dentro da residência.

Os três homens presos são: Ismael Nascimento, de 25 anos; Marcelo Pereira Marinho, de 27; e Antônio Mateus da Silva, 18. Eles foram presos em flagrante por tráfico de drogas, porte ilegal de arma de fogo e associação criminosa.

Dois deles já tinham passagens pela Polícia, segundo a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS). Ismael responde a sete inquéritos policiais por homicídio, porte ilegal de arma de fogo, roubo e tráfico de drogas. Já Marcelo têm passagens por homicídio e tentativa de roubo.

“Da mesma maneira que os marginais veiculam esses vídeos, a Polícia está atenta também, sempre levantando, observando o que está sendo veiculado nessas redes sociais para poder, de imediato, responder com a prisão deles e o desmantelamento dessas quadrilhas”, comenta o delegado Alexandre Ferraz, do 13º Distrito Policial (13º DP), que lavrou o auto de prisão em flagrante.

Fonte: Tribuna do Ceará




Curta nossa Página


Start typing and press Enter to search