Ultimas
Aguarde..

Candidata a prefeita se elege com dois votos de diferença na PB

anigif-fgcell


Em Algodão de Jandaíra/PB, Cícero de Preto (PSB), quase se tornava prefeito. Quase. O problema é que sua adversária, Maricleide (PSD), foi um pouco mais “eficiente”, teve mais poder de convencimento e conseguiu dois votos salvadores. Resultado: é a nova gestora do município de pouco mais de 2.366 habitantes, segundo última contagem do IBGE.

Mericleide teve 1.234 votos contra 1.232 de Cícero. Outra curiosidade de lá é que o número de eleitores é maior que o número de habitantes. A explicação é a de que muitos eleitores moram nas cidades vizinhas, como Solânea, Casserengue, Remígio, Barra de Santa Rosa, mas votam em Algodão de Jandaíra.

Outras disputas acirradas na PB

Em Nazarezinho, a disputa também foi de tirar o fôlego. Lá, a diferença do primeiro para o segundo colocado foi de sete votos. Salvan Mendes (PR) teve 2.612 e Marcelo de Tintim (PTB) teve 2.605.

No Lastro, mais candidatos “tirando fino”. O tucano Dr. Athaíde teve 1653 votos contra 1644 do peemedebista Emmanuel. Uma diferença surpreendente de nove votos.

Já na cidade de Tacima, o peemedebista teve mais pode de convencimento. Rivan Bezerra conseguiu 3.033 votos contra 3.022 de Xató (PSD). Foram apenas 11 votos de diferença.

São Bento

Entre as cidades maiores, destaque para São Bento, que tem 30.879 habitantes. Lá, uma disputa acirradíssima entre o atual prefeito, candidato à reeleição, Gemilton (PSB) e Dr. Jarques (DEM). Nesse caso, o médico venceu a batalha por 47 votos de diferença. Jarques teve 11.234 e Gemilton (PSB) 11.187.

Jornal da Paraíba|Foto: PBTur