Ultimas
Aguarde..

Homem que se refugiou em igreja para escapar da morte em Almino Afonso foi preso com arma de fogo em Assu

anigif-fgcell


No início da tarde de hoje 30 de setembro por volta das 12:30hs, a polícia militar recebeu a informação de que um homem ferido por um disparo de arma de fogo na mão, e suspeito de ser um dos elementos que causou pânico dentro de uma igreja na cidade de Almino Afonso estaria se deslocando para um possível atendimento médico no conjunto Frutilândia em Assu. De acordo com a polícia, trata-se de Francisco Das Chagas Brito, vulgo “Das Chagas ou Didi”, no momento da abordagem o suspeito estava com um revólver calibre 38 enrolado em uma toalha.

Com ele estava uma outra pessoa que também foi conduzida a delegacia de polícia civil, e após os procedimentos, apenas Das Chagas ficou preso por porte ilegal de arma de fogo.

O caso de Almino Afonso que está sendo investigado pela polícia civil, deverá trabalhar em conjunto com a polícia civil de Assu, na tentativa de desarticular uma possível quadrilha na região.

A polícia informou ainda que logo após sofrer essa tentativa de homicídio, o mesmo voltou para a cidade de Assu.

SOBRE O CASO EM ALMINO AFONSO/RN

No dia 18 de setembro de 2016, a comunidade católica de Almino Afonso, município do Oeste potiguar, viveu momentos de pânico durante uma missa.

Para não ser morto, um homem correu de dois atiradores e se refugiou dentro da sacristia de uma igreja da cidade. A celebração estava sendo transmitida ao vivo em uma rede social da Paróquia Sagrado Coração de Jesus, que registrou a correria após os disparos... RELEMBRE O CASO AQUI e veja o vídeo da correria na igreja.
A Polícia Militar informou que os atiradores fugiram logo após o alvo ser baleado no braço se esconder na igreja.

A prisão foi realizada com êxito pelos policiais da FORÇA TÁTICA, comandada pelo Sgt PM. Aurivan, Cb PM- Jefferson, Sd PM- Fernandes.


artesenovidades