Ultimas
Aguarde..

Seleção feminina mostra como se faz, goleia e já esta classificada para as quartas

anigif-fgcell

A apoteose de um Engenhão lotado, a grande atuação da seleção e a goleada sobre a Suécia por 5 a 1. A noite do time feminino de futebol do Brasil poderia ter sido apenas de grandes notícias. Foi quase isso. Porque no segundo tempo, a lesão muscular da atacante Cristiane deixou no ar uma grande preocupação para o futuro da atacante do Paris Saint-Germain na Olimpíada.

O resultado deste sábado garantiu a vaga do Brasil para as quartas de final. Na última rodada do grupo, contra a África do Sul, terça-feira, um empate garantirá a passagem em primeiro lugar na chave.

O Brasil foi quase perfeito no primeiro tempo. É verdade que levou um susto no início, quando Bárbara evitou um gol de Asllani, e que contou com uma falha da zaga sueca para abrir o placar, aos 20 minutos, em gol de Bia. Mas, a partir daí, o jogo foi um passeio de um time rápido nas transições para o ataque. Aos 24, saiu o lance mais bonito da noite: cruzamento de Marta e gol de letra de Cristiane. Aos 43, Marta cobrou um pênalti e fez o terceiro.

No segundo tempo, Vadão sacou Formiga, de 38 anos, tentando administrar o cansaço do time. Ocorre que foi Cristiane, de 31, quem, minutos depois, se machucou numa arrancada pela direita. Mesmo assim, o Brasil se dedicava a administrar o jogo sem correr riscos. Até que Marta decidiu acabar com a calmaria: aos 34, fez bela jogada antes de chutar para fazer 4 a 0. Atônita, a defesa da Suécia ainda viu Bia, aos 40, marcar o quinto gol, para delírio da torcida. No fim, Schelin descontou.

O Globo

anigif-pizzaria