Ultimas
Aguarde..

Número de suspeitos presos por vandalismo no RN já passa de 100

anigif-fgcell

As forças policiais do Rio Grande do Norte continuam o trabalho ostensivo em todo o estado para reprimir atos criminosos que estão sendo registrados em resposta à instalação do bloqueador de chamadas de telefonia no Presídio de Parnamirim (PEP). Na noite desta quinta-feira (4), a Secretaria de Estado da Segurança Pública e da Defesa Social (Sesed) confirmou a prisão e apreensão de mais cinco pessoas. Com o resultado, o número de suspeitos detidos chega a 105.

Em Lagoa Salgada, a Polícia Militar prendeu José Felipe Mathias Silva, de 19 anos, e apreendeu um adolescente suspeitos de terem incendiado dois quiosques naquele município.

Na cidade de Pedro Velho, Sérgio Manoel Pereira Silva, de 18 anos, foi detido nas proximidades da Prefeitura da cidade em atitude suspeita. Ao ser levado para averiguação, ele confessou ter causado o incêndio em três veículos da Prefeitura de Montanhas na última segunda-feira (1º).

Já em Lajes do Cabugi, a polícia prendeu Viercio Leandro Justino da Silva, de 19 anos. Ele confessou ter tentado incendiar um veículo do Instituto de Defesa e Inspeção Agropecuária do RN.

Após investigações, concluiu-se que Ítalo Luan Alves Bezerra, de 20 anos, detido na quarta-feira (3), suspeito de ter atirado em um agente penitenciário, também tem ligação com organizações criminosas do RN.

No total, foram notificadas 109 ocorrências, sendo 63 incêndios, 31 tentativas de incêndios, sete disparos contra prédios públicos e proximidades, quatro envolvendo artefatos explosivos e quatro depredações. Os veículos incendiados (ônibus e microônibus) são 32. As ocorrências foram registradas em 38 cidades.


PEDÃO AUTO