Ultimas
Aguarde..

Menino de 9 anos é morto por motociclista na contramão em rodovia da PB e moradores protestam

anigif-fgcell

Um menino de 9 anos que voltava da escola com colegas pelas margens da BR-230, na altura do distrito de Cajá, foi atropelado por um motociclista que vinha na contramão por volta das 17h da quinta-feira (18). Moradores prestaram os primeiros socorros, mas a criança não resistiu e morreu no local. O motociclista fugiu sem prestar socorro à vítima. Diante da situação, moradores realizaram um protesto e fecharam a BR-230, na região da saída de Cajá, deixando o trânsito interditado por cinco horas.



Os moradores queimaram madeiras, pneus, e bloquearam a saída do distrito. A reivindicação é pela instalação de lombadas e sinalização na altura do Km 83, para evitar outros acidentes.



Segundo a mãe da criança, motos trafegarem na contramão é comum na região, e o sentimento que fica é de justiça. "Eu quero justiça. Para que isso não aconteça com outras crianças. Aqui são muitas motos [trafegando] na contramão, e pode acontecer de outros inocentes morrerem", disse a mãe.



Vera Lúcia, moradora da região, também já teve a filha atropelada próximo ao local do acidente com o menino de 9 anos. "Minha filha hoje está com sequelas. Aí a gente libera a pista, e amanhã pode ser o filho de outras", justificou.



Houve diálogo com os moradores para liberarem a rodovia, e ficou acordado para eles irem ao Departamento Nacional de Infraestrutura de Transporte (Dnit). "Foi acordado com a população que vai ser levado uma comissão para dialogar com o Dnit, para fazer o estudo da viablidade da colocação de redutores. Há três, e talvez seja necessário um aqui no final da área urbana do distrito de Cajá", disse o inspetor da Polícia Rodoviária Federal (PRF) Lucas Lucena.

Jornal da Paraíba

online-kaneiro