Ultimas
Aguarde..

Mãe evita sequestro do filho de dois meses durante passeio em Mossoró

anigif-fgcell

Uma mãe passou um por um momento de tensão e quase teve o filho de dois meses levado, em plena luz do dia, por uma mulher no bairro Sumaré, zona Leste de Mossoró. A tentativa de sequestro ocorreu em uma estrada de barro.

O pai da criança, Edilson Fernandes, contou que a ação aconteceu entre as 16h e 17h, nas proximidades do Conjunto Cidade Jardim. A mãe, que prefere não se identificar, conta que passeava com o bebê quando foi abordada por uma mulher em um veículo Sedan Cinza. Ela conta que a mulher era branca, de cabelos pretos e usava óculos de sol. No banco de trás havia uma segunda pessoa, possivelmente um homem, mas que ela não conseguiu analisar bem o rosto.


"Ela (esposa) estava passeando com ele (filho) no carrinho. Um casal parou em um carro cinza e perguntou se ela estava dando o bebê. A pessoa disse para ela parar de andar e entregar o bebê. Foi quando passou uma pessoa em um carro olhando, então ela pegou o bebê do carrinho e saiu correndo. Ela chegou chorando aqui e eu chamei a polícia", contou o pai da criança.

Edilson afirmou que o momento de distração da suspeita evitou que a criança fosse levada. “Nosso bebê tá com uma roncha na perna devido ela ter puxado ele sem tirar o cinto do carrinho”, disse o pai da criança.

Durante a noite, logo o susto, Edilson esteve no local para tentar procurar alguma câmera de vigilância que pudesse ter registrado a ação. Ele ressaltou ainda que o local é deserto, o que poderia ter contribuído para a ação dos supostos assaltantes. “Ela disse que foi depois que passou um carro, a mulher virou para olhar, foi quando ela correu com o bebê e daí eles correram no carro. Veio pra casa. E daí ligamos pra polícia Achei que tinha sido algum acidente quando vi ela em prantos e sem o carro”, contou ele.

O pai da criança relevou a tentativa de sequestro às autoridades. A polícia civil deve analisar se houve outros casos parecidos com as mesmas características repassadas pela vítima em Mossoró.


artesenovidades