Ultimas
Aguarde..

Em suposta nota, facção diz que não é responsável por áudios com ameças a escolas e creches e que sua luta é apenas contra o governo

anigif-fgcell

De acordo com informações do Blog do BG, Roda em grupos de WhatsApp “uma nota atribuída ao sindicato do crime”, o BG não teve como confirmar a autoria, mas como o conteúdo faz sentido, publica abaixo na íntegra:

COMUNICADO OFICIAL DO CONSELHO DO SDC RN Á TODA POPULAÇÃO DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE.

“Através deste comunicado informamos que os áudios e textos que estão circulando nas redes sociais e mídias falando que o SINDICATO DO CRIME DO RN estaria ordenando ataques desde a última quinta-feira 29/07 Contra creches, escolas, vendedores ambulantes e repasse de salves para toques de recolher em bairros e comunidades, escolas públicas e particulares com a finalidade de intimidar a população do nosso estado, não são verídicas no que se diz respeito a autoria. A autoria dos mesmos é dos nossos rivais da facção PCC e vândalos que estão se aproveitando de toda essa situação difamando e sujando a imagem da família SINDICATO DO CRIME. Frisamos mais uma vez que a nossa luta é contra o ESTADO.

Nossa reivindicação é pela instalação dos bloqueadores de celulares em presídios. Pergunto a vocês cidadãos se sabem quanto estão gastando nesses equipamentos? O estado em 6 meses vai pagar R$ 174 mil a esta empresa (lavagem de dinheiro) porque não usar esse valor para melhorar a segurança externa e saúde. Nós erramos e estamos pagando por isso, mas como ser alguém melhor se não temos um tratamento digno? Não temos nenhum tipo de projetos de ressocialização, alfabetização ou algo do tipo que venha nos manter ocupados. Como ser uma pessoa melhor se nem o que é de direito nos é garantido? Vemos amigos adoecerem e chegarem a perder a vida. Comunicando aos responsáveis nada é providenciado. Temos que ressaltar também os maus tratos, torturas e abusos de autoridade que estão acontecendo em vários presídios e centros de detenção provisória (CDPs) e principalmente nas unidades CDP de CANDELARIA e na triagem de PIRANGI. Queremos deixar bem claro a população e a todos os cidadãos de bem que a nossa luta e contra a máquina opressora do estado que vem nos oprimindo diariamente.

Enquanto os bloqueadores permanecerem em nossas unidades o governo continuará sentindo a nossa força e a nossa união em todo estado. O culpado de tudo isso está acontecendo hoje e do poder público atual Robson Farias e Walter Virgulino. Não queremos guerra queremos a paz em nosso estado e estamos dispostos a parar com os ataques SIM se o Srº secretario e governador retirarem os bloqueadores do presidio estadual de Parnamirim ( PEP ) e parar com o projeto de instalar bloqueadores em novas unidades.

Esta é a mensagem que o Conselho Final do Sindicato do RN tem a passar a população e ao governo”.



artesenovidades