Ultimas
Aguarde..

Direção do ‘De Fato’ lamenta ataques do prefeito de Mossoró

anigif-fgcell

O diretor do Jornal de Fato, César Santos, lamentou nesta segunda-feira (15) que o prefeito de Mossoró, Silveira Júnior, tenha apelado a uma liguagem não usual para gestores públicos para criticar o prefeito.

No domingo, o jornal estampou em sua manchete dados públicos da Justiça Eleitoral que apontam evolução patrimonial de 557% do prefeito da cidade após ele ter chegado ao Palácio da Resistência, em 2014. Depois da matéria, Silveira gravou um vídeo em que chama o matutino de ‘jornalzinho de merda’.

“Essa não é uma linguagem para um prefeito. Não vamos entrar em polêmica e seguiremos cumprindo nosso papel de informar”, comentou o Santos. Ele destacou ainda que a reportagem contestada pelo prefeito se limitou a tratar de números que estão na base de dados da Justiça Eleitoral e não fez juízo de valor.

Indagado se enxerga as palavras do prefeito como tentativa de cerceamento, o diretor do De Fato, analisou que a imprensa vive sob permanente estado de censura.

“Se você bota um material que o cidadão não gosta, ele vai à Justiça. Se um veículo não elogia, o governante corta. A gente vive em censura permanente. A publicidade é para ações de governo e não para jornalista elogiar quem está no governo”, destacou o jornalista.

A direção do Jornal de Fato acrescentou ainda que, assim como fez com Silveira, todos os demais candidatos terão a evolução patrimonial divulgada no veículo.


anigif-BANNER